quinta-feira, 12 de maio de 2016

PROVAS BÍBLICAS QUE IMAGEM DE ESCULTURA É DIFERENTE DE ÍDOLOS E QUE PROSTRAR É DIFERENTE DE ADORAR:


FORMAÇÃO DO DIA (DOUTRINA)
PROVAS BÍBLICAS QUE IMAGEM DE ESCULTURA É DIFERENTE DE ÍDOLOS E QUE PROSTRAR É DIFERENTE DE ADORAR:
“IMAGEM DE ESCULTURA” não tem nada a ver com “ÍDOLO”; e “PROSTRAR” (?at????t?? - katákoitos) não tem nada a ver com “ADORAR” (?at?e?a – latreía). Além de Josué várias pessoas se prostram sem estar adorando. Moisés prostra-se diante do sogro (Ex18:7) , Deus diz que nações se prostrarão diante de Abraão (Gn 27,29) e Betsabéia prostra-se diante de Davi (1Rs 1,16-22). Ajoelhar-se não é idolatrar, é um sinal de respeito. 
Jacó PROSTROU-SE diante de Esaú:
(Gênesis 33,3) “E ele[Jacó], passando adiante, prostrou-se até a terra sete vezes antes de se aproximar do seu irmão[Esaú].”
*Os irmãos de José do Egito PROSTRARAM-SE diante dele (revelado em profecia):
(Gênesis 37,9) “José teve ainda outro sonho, que contou aos seus irmãos. “Tive, disse ele, ainda um sonho: o sol, a lua e onze estrelas prostravam-se diante de mim.”
*Rute PROSTROU-SE diante do seu chefe:
(Rute 2,10) “Rute, caindo aos seus pés, prostrou-se por terra: De onde me vem a dita, disse ela, de que te interesses por mim, uma estrangeira?”
*David diante de Saul
(I Samuel 24,9) “Então Davi saiu por sua vez e bradou atrás de Saul: Ó rei, meu senhor! Saul voltou-se para ver, e Davi inclinou-se, prostrando-se até a terra.”
*Abgail PROSTROU-SE diante de Davi:
(I Samuel 25,23) “Quando Abigail avistou Davi, desceu prontamente do jumento e prostrou-se com o rosto por terra diante dele.”
*Filhos de profetas PROSTRARAM-SE diante de Eliseu
(II Reis 2,15) “Os filhos dos profetas que estavam em Jericó, vendo o que acontecera defronte deles, disseram: O Espírito de Elias repousa em Eliseu. Foram-lhe ao encontro, prostraram-se por terra diante dele,”
*Ester PROSTROU-SE diante do rei:
(Ester 8,3) “Ester voltou de novo à presença do rei e falou. Prostrada a seus pés, desfeita em lágrimas, lhe suplicava que destruísse as maquinações que Amã, o agagita, tinha perversamente urdido contra os judeus.”
*Nabucodonor, rei babilônico, PROSTROU-SE diante de Daniel:
(Daniel 2,46) “Nesse instante, o rei Nabucodonosor atirou-se de rosto em terra, prostrado diante de Daniel; depois ordenou que lhe fossem oferecidos oblações e perfumes.”
*Todos os infiéis PROSTRARAM-SE diante de todos os fiéis de Deus (por ordem de Deus):
(Apocalipse 3,9) “Eu te entrego adeptos da sinagoga de Satanás, desses que se dizem judeus, e não o são, mas mentem. Eis que os farei vir prostrar-se aos teus pés e reconhecerão que eu te amo.
Para os católicos, adoração está muito além, vai muito mais daquilo que nós sentimos. A reforma iniciada por Martinho Lutero, que hoje em dia se intitulam como sendo os verdadeiros evangelizadores e adoradores, têm muita debilidade em seu modo de crer e adorar, desse modo, o protestantismo que é uma colecção de mil e tal seitas, crêem que adorar a Deus é ajoelhar -se durante a oração, cantar louvores e ler bíblias. No entanto, lendo a bíblia toda, podemos ver que não é assim, nesse caso o protestante que pensa que está adorando a Deus, não está expressando verdadeiramente seus sentimentos, porque agem por emoção e de uma forma contrária a escritura sagrada.
A doutrina da santa igreja referente a esse assunto, aponta a verdadeira adoração no Deus único.
A ADORAÇÃO
A adoração é o primeiro acto da virtude da religião. Adorar a Deus é reconhecê-lo Como Deus, como o Criador e o Salvador, o Senhor e o Dono de tudo o que existe, o Amor infinito e misericordioso. "Adorarás o Senhor, teu Deus, e só a Ele prestarás culto" (Lc 4,8), diz Jesus, citando o Deuteronômio (6,13), 2097 Adorar a Deus é, no respeito e na submissão absoluta, reconhecer "o nada da Criatura", que não existe a não ser por Deus. Adorar a Deus é, como Maria no Magnificat, louvá-lo, exaltá-lo e humilhar-se a si mesmo, confessando com gratidão que Ele fez grandes coisas e que seu nome é santo. A adoração do Deus único liberta o homem de se fechar em si mesmo, da escravidão do pecado e da idolatria do mundo. (CIC 2096-2097).
No entanto, podemos ver o protestantismo acusando malvadamente a igreja católica de idolatra, porque na verdade esses povos não sabem o verdadeiro termo de adoração, ora, adorar uma imagem ou alguém, é reconhece-lo como criador do céu e da terra, ou diminuir o poder de Deus e a ajuda absoluta, e pôr numa criatura ou numa imagem, e isso a bíblia mostra bem, quando a fabricação do bezerro.
3. Tiraram todos os brincos de ouro que tinham nas orelhas e trouxeram-nos a Aarão, 4. O qual, tomando-os em suas mãos, pôs o ouro em um molde e fez dele um bezerro de metal fundido. Então exclamaram: “Eis, ó Israel, o teu Deus que te tirou do Egipto.” 5. Aarão, vendo isso, construiu um altar diante dele e exclamou: “Amanhã haverá uma festa em honra do Senhor.” 6. No dia seguinte pela manhã, ofereceram holocaustos e sacrifícios pacíficos. O povo assentou-se para comer e beber, e depois levantaram-se para se divertir (Ex 32,3-6)
Portanto, como esse povo de Israel, adorar é considerar o falso Deus, como o Deus verdadeiro, e exclui-lo definitivamente. Com tanta ignorância bíblica alusivo a isso, podemos afirmar, se para o protestantismo o simples ato de se ajoelhar é adoração, é porque eles não adoram a Deus verdadeiramente, porque a própria bíblia mostra que ajoelhar não é sinónimo de Adoração, é só conferir esses capítulos que porei aqui: (Ex 18,7; 1Rs 1,16; Gn 44,14; 1Sm 25,23).
Adorar conforme o catecismo e a bíblia, é considerar Deus, como o único senhor de tudo, e oferecer sacrifícios, como o povo de Israel fez ao adorar o bezerro, e o protestantismo, por não saber isso, enganam-se eles próprios, Porque afinal, só a igreja católica adora a Deus em espírito e verdade.
Escrito por: Benedictus Manuel
Esplendor da Verdade Católica

Nenhum comentário:

Postar um comentário